Alisar…

Como escolher o melhor…

Afinal alisamento é tudo igual??

O resultado pode até ser o mesmo desejo de todas,mas, devemos ter cuidados com a escolha do que será melhor como profissional e como cliente final.

O mercado oferece muitas opções,algumas com químicas não permitidas e nocivas à saúde do profissional e cliente final. lembre-se que a ANVISA esta ai para nos dar a segurança que tanto precisamos. Hum,este tipo de processo não deve ser realizado em casa, apenas um profissional para tal.

O profissional verificará se existe compatibilidade entre químicas,observa a estrutura do fio e a saúde dos cabelos.

Os fios de cabelos possuem diferenças entre si, considerando etnias e raças.

Todo cabelo que passa por processo de alisamento deve ser tratado e com uso de produtos de manutenção adequados sua saúde estará em dia e sua beleza assegurada.

 

Selagem térmica

É uma forma de alisamento que aos poucos ganha espaço nos salões de beleza. E a selagem não tem apenas o efeito de alisamento. É também responsável pela reconstrução capilar porque tem queratina na composição.

Enquanto uma escova progressiva normal demora umas três ou quatro horas para ser feita, este novíssimo método leva de uma a duas horas. “Eu adorei a selagem térmica por que é muito mais rápida, prática, não tem cheiro e não perco tempo. O cabelo fica mais natural”.

Progressivas de…

Abacate, chocolate etc… é tudo igual na hora do processo. “Porém algumas escovas progressivas (como a inteligente ou a inglesa) têm uma quantidade menor de formol. O permitido pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é de 0,02% dessa matéria-prima. Primeiro é passado um xampu antirresíduos, para não ressecar os fios e em seguida o produto, mecha por mecha. Depois ele é escovado e pranchado. Sem lavar. Isso é que vai dar o efeito liso. E toda vez que tiver feito uma progressiva procure aplicar também uma hidratação por causa do ressecamento.”

Lembrando que a Guanidina e a Hidroxido de Amônia ainda são ativos utilizados na transformação dos fios.

O cuidado em fazer o teste de mexa, ele nos dá parâmetro e nos lembra que algumas químicas são incompatíveis entre si. Faça deste habito uma regra.

Hidronutritiva ou definitiva

“Dá brilho e hidrata. Porém, muda a estrutura interna dos fios. E também demora de cinco a seis horas para ficar pronta, mas não contém formol. O que é uma boa opção”.

 

Cauterização ou plástica capilar

“É um tratamento que cicatriza as cutículas do cabelo por meio de hidratação com produtos especiais”, explica a cabeleireira. É importante saber que a principal função da cauterização é recuperar a elasticidade do cabelo, já que o tratamento age do córtex até as cutículas, dentro do fio. “Não é um alisamento, mas diminuiu o volume e, dependendo da estrutura das madeixas, pode dar um efeito superliso”.

Retoque

“Tanto a selagem térmica, quanto a cauterização e a escova hidronutritiva depois de dois a três meses perde o efeito e é preciso retocar. Mas tudo depende muito da estrutura dos fios de cada pessoa”

Cuidados necessários

“Vale investir em boas linhas de shampoos,condicionadores,máscaras e finalizadores. Após a lavagem, para dar brilho, é importante usar o secador com proteção térmica, podendo ser finalizador líquido ou creme . Isso por que todas as técnicas de alisamento contém substâncias termo ativadas e o calor é que vai dar o efeito de liso. Uma hidratação semanal em casa é importante, mas a cada 15 dias procure uma profissional para fazer uma hidratação mais profunda com produtos adequados, a Escova de Densidade da Raiz Latina é um ótimo exemplo.”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *